Alugue ou compartilhe uma cabine de tratamento em um salão de beleza

  • 7 de outubro de 2019
  • Blog

Há um tempo, falamos um pouco sobre o aluguel de cadeiras para o salão de beleza, e como o seu negócio pode se beneficiar desta parceria com os profissionais. Agora, o que muitos profissionais do setor não sabem é que a cabine de tratamento em um salão de beleza também pode trazer boas vantagens ao negócio.

 

Caso ainda não saiba, a cabine de tratamento é muito comum especialmente em clínicas de estética. Basicamente, ela é uma sala, montada para realizar uma variedade de serviços relacionados à estética. Quanto aos serviços em si, ele pode variar desde uma massagem, até aplicação de produtos de beleza específicos.

 

E com essa abordagem que você pode pensar na possibilidade de alugar ou compartilhar uma cabine de tratamento dentro do salão de beleza. Mas vamos com um ponto importante.

 

Montar uma cabine de tratamento vale a pena?

 

Pode não parecer em um primeiro momento, mas ter uma única cabine de tratamento no salão de beleza é um baita investimento. Entre equipamentos, decoração e ferramentas necessárias para diversos serviços, os custos para colocar o local em ação são bem altos, exigindo um bom planejamento.

 

Além disso, ainda há a questão profissional. Bons técnicos de estética, com várias especialidades, pedem por bons salários, o que por sua vez se reflete nos custos em que são passados aos clientes. Por isso, colocar todos esses pontos em prática torna a estética bem mais complexa do que imaginado.

 

Ainda assim, vale a pena. Com o crescimento do salão de beleza, chega um ponto em que o público se torna específico o suficiente para justificar um investimento. Além disso, ainda há o encaminhamento que o próprio salão deseja, para alcançar novas possibilidades.

 

Optando pelo aluguel de cabine, ou compartilhamento

 

Seja com o objetivo de alugar ou compartilhar, a cabine de tratamento pode ser uma opção interessante em um salão de beleza. Isto é: mais do que construir um lugar para o próprio salão, é abrir a possibilidade para que outros profissionais possam ter um espaço para trabalhar.

 

Aqui, o planejamento é fundamental. Além de delimitar os custos para colocar a sala ativa, bem como os serviços que podem oferecer, o aluguel ou o compartilhamento dos lucros devem visar o tempo necessário para recuperar o investimento. Ao acertar tais pontos, faça um acordo delimitado com os profissionais.

 

Uma boa maneira de ter um retorno viável nessas iniciativas é a demanda pelos serviços de estética necessitados e ainda não explorados na região. Vale muito mais a pena tentar uma iniciativa do tipo se houver um mínimo de interesse e conhecimento do público. Caso contrário, mesmo o investimento mais bem feito não garante a sustentabilidade do salão.

 

A cabine de tratamento de um salão de beleza pode cobrir uma série de serviços e oportunidades interessantes. Mais do que isso, oferecer essas opções de maneira prática, com os profissionais capazes de atendê-los, pode ser ainda melhor.

 

Portanto, considere a opção de aluguel ou compartilhamento da cabine de tratamento, considerando todos os detalhes legais e de acordo com seu ambiente. Vale muito a pena. Até a próxima!

TAGS: aluguel de cabine | cabine | cabine de tratamento | cabine estética | salão de beleza |

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *