Dicas para desinfetar o equipamento de cabeleireiro

  • 2 de setembro de 2019
  • Blog

Um dos procedimentos fundamentais para o salão de beleza é a manutenção dos equipamentos. E dentro desses processos, está a assepsia de cada um deles. Se você não desinfetar o equipamento de cabeleireiro, os riscos de saúde no qual vão expor os clientes são bem reais. Por isso, nada mais importante que realizar a limpeza dos mesmos na medida certa.

Mas como tais processos são realizados? Assim como em segmentos de saúde e relacionados, a limpeza dos equipamentos, mais do que uma medida higiênica, é uma forma de segurança. Para tanto, são necessários equipamentos e produtos específicos para retirar todas as impurezas e manter tudo pronto para ação.

Vejamos algumas dicas para desinfetar o equipamento de cabeleireiro. Com elas, mesmo o uso de equipamentos específicos para esse fim se tornam muito mais práticos e tranquilos.

 

Desinfetar o equipamento de cabeleireiro fica fácil com essas dicas

 

1 – Faça uso dos produtos corretos

Sem uma boa higienização, não tem como os produtos de cabeleireiro estarem em seu melhor estado. Para tanto, use produtos próprios para higienização, como detergente neutro e sabão para limpeza direta dos produtos, e álcool 70% para esterilização.

Por fim, finalize a limpeza e esterilização com os equipamentos corretos. Seguindo as normas de vigilância sanitária, existem equipamentos próprios para finalizar a esterilização e deixar tudo de acordo para novos usos. Nós já mostramos eles por aqui, basta fazer bom uso.

2 – Busque um local adequado para secar

Tão importante quanto a limpeza, é a conservação dos equipamentos do cabeleireiro. Um dos elementos mais clássicos em qualquer salão e barbearia, são todos os acessórios e ferramentas bem guardados em gavetas ou expostos e guardados em frente ao espelho.

Bem, antes deles ficarem nesse local, precisam estar secos e livres de quaisquer impurezas. Nas mesmas recomendações passadas pela vigilância sanitária, é preciso ter uma despensa, ou um cômodo arejado o bastante para guardar e secar equipamento.

3 – Não misture os equipamentos

Essa dica é especialmente importante para salões de beleza com uma quantidade grande de profissionais, entre cabeleireiros, manicures e outros tipos presentes no local. É essencial que haja um espaço específico para cada pessoa, para evitar maiores riscos de contaminações no salão por uso compartilhado.

Nesses casos, é importante que os gestores do salão incentivem que os profissionais cuidem bem das ferramentas e equipamentos do salão. Na verdade, é importante que parte das características necessárias para serem admitidos, uma vez que, se eles não se responsabilizarem, os riscos para eles e para o público como um todo aumentam e muito.

Ao desinfetar o equipamento de cabeleireiro, a garantia de que o salão de beleza estará ativo por mais tempo é real. Além de trazer segurança para funcionários e clientes, o uso adequado dos equipamentos tornam sua vida útil mais longa e eficiente. Portanto, não deixe de cuidar bem do seu salão de beleza. Até a próxima!

 

Leia também: https://graces.com.br/blog/padroes-internacionais-de-higiene-em-saloes-de-beleza/

TAGS: cuidado com o cliente | cuidados no salão | Equipamentos de salão de beleza | Limpeza de equipamentos | Procedimentos de limpeza | Saúde |

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *