Venda de produtos em salões de beleza

Todo salão de beleza pode trazer diferenciais interessantes para o seu estabelecimento. Um deles, sem dúvidas, é a venda de produtos. Não é incomum que várias delas, hoje em dia, expandem seu campo de atuação oferecendo não apenas produtos exclusivos, como opções famosas que são utilizadas no próprio salão. Incluir a venda especializada no seu negócio pode trazer muitas vantagens.

Contudo, assim como toda possibilidade de expansão, a venda de produtos não apenas deve ser incorporada ao negócio com planejamento, mas deve-se ter atenção aos detalhes. Para tanto, vamos te mostrar quais tipos de produtos em salões de beleza são os mais indicados e os detalhes para fazê-lo.

Quais tipos de vendas de produtos podem ser feitas em salões de beleza?

Virtualmente, qualquer produto relacionado a beleza pode ser bem explorado por aqui. Uma esmalteria, por exemplo, pode trazer um estoque à parte de esmaltes e produtos para as mãos. Por outro lado, quem tem o foco no cabeleireiro pode mostrar linhas consagradas ou novidades no mercado quanto ao cuidado com os cabelos.

Existem muitas possibilidades para quem colocar produtos no salão. Uma das maiores, sem dúvida, é a atribuição de autoridade. Em outras palavras, quando você oferece um ótimo serviço, os produtos carregam não apenas a identidade da marca, como também a sua própria. E isso reflete em outros pontos, os quais veremos a seguir.

Produtos independentes são válidos?

Por independentes, considere os produtos de beleza artesanais, feitos por um único profissional ou marcas que estão entrando agora no mercado. Esse é um segmento em franco crescimento, e que pode gerar grandes oportunidades para ambos os lados.

Para tanto, é interessante trabalhar com a ideia de parcerias com essas marcas, estabelecendo pontos de troca, divisão nos lucros, e outros detalhes que vão fazer do crescimento de ambos bem sucedidos.

Quais outros produtos que podem ser atribuídos ao salão

Embora cosméticos sejam a opção primária na venda de produtos no salão de beleza, é interessante incluir outros tipos de materiais de segmentos próximos, que tornem a experiência dos clientes completa.

Por exemplo: que tal incluir produtos de higiene pessoal junto aos cosméticos, para facilitar os cuidados após o uso? Para quem gosta e sabe aplicar algumas técnicas de salão em casa, pode-se oferecer acessórios e aparelhos para tal.

A combinação dessas vendas com a expertise dos profissionais de salão faz da ideia algo perfeito. Contudo, é bom ser contido quanto a quantidade de produtos oferecidos no salão.

Considere o espaço disponível

Dependendo do alcance que as vendas de produtos em salões de beleza alcançam, não é incomum pensar que o segmento seja parte fundamental do negócio em um determinado momento. Por isso, quando se há a possibilidade de expansão do negócio, já tenha em mente um projeto para a expansão do salão de beleza para acomodar o lado de varejo.

Outra ideia interessante a levar em conta em relação a venda de produtos em salões de beleza é o e-commerce. Além de ser um segmento em franco crescimento no Brasil, tanto o alcance de clientes, como o crescimento do salão em si, aumentam para outra escala. Afinal, você pode atender qualquer pessoa, virtualmente de qualquer lugar.

Pronta para expandir o seu negócio? Com as vendas de produtos em salões de beleza, é possível tornar o negócio mais versátil, o que gera uma melhor receita. Portanto, não deixe de investir bem no seu salão, e até a próxima!

Nos acompanhe

Quer receber mais novidades ?

Preencha os campos abaixo e receba tudo em primeira mão.