8 principais desafios para o desenvolvimento do salão

Principais desafios para desenvolvimento do salão e como superá-los

Hoje iremos apresentar os principais desafios para o desenvolvimento do salão e iremos lhe oferecer dicas práticas de como solucioná-los.

Conforme a “Pesquisa sobre salões de beleza, pós restrições da pandemia”, existem 8 principais desafios para o desenvolvimento do salão.

O primeiro deles seria a falta de mão de obra, já que cerca de 39% dos negócios de beleza precisam enfrentar este desafio, embora não saibam por onde começar.

Ao decorrer do conteúdo, você saberá quais os demais desafios para o desenvolvimento da sua empresa e como superar cada um deles.

Falta de mão de obra

A falta de mão de obra se refere ao fato de ter dificuldade em encontrar profissionais para trabalhar no salão.

Poucos são os profissionais, inclusive os indivíduos qualificados.

Conforme o estudo da consultoria de recursos humanos do ManpowerGroup, o Brasil alcançou a 9º posição entre os países com mais falta de mão de obra qualificada em 2022.

Isso significa que além de não encontrar profissionais, um dos desafios para o desenvolvimento do salão seria a dificuldade em contratar pessoas que tenham habilidades para fazer a diferença no seu negócio.

Dessa forma, profissionais qualificados são aqueles que possuem conhecimentos específicos para desempenhar determinada função, ou seja, já passaram por cursos e treinamento.

Como resultado, uma forma de resolver o problema seria investir na especialização dos seus colaboradores.

Está difícil encontrar bons profissionais? Treine aqueles que já trabalham com você!

Portanto, lembre-se: não dependa unicamente do seu colaborador para que a empresa tenha uma mão de obra qualificada. Este pensamento é prejudicial.

Assim, a melhor dica é que você invista, pois você não desperdiçará verba ao oferecer oportunidade ao seu funcionário.

Desafios para o desenvolvimento do salão – Dívidas

Ainda conforme a pesquisa citada na introdução, cerca de 18% dos salões de beleza devem lidar com as dívidas que surgiram na pandemia.

O primeiro passo para se livrar das dívidas seria identificar as causas do endividamento.

Não basta que você defina a pandemia como a causa, pois é necessário um diagnóstico profundo.

A sua empresa vem enfrentando dificuldades porque perdeu clientes e logo as vendas caíram? Tem um grande número de inadimplentes? Fez investimentos e o resultado não foi bom?

Aqui, além de haver a possibilidade de começar a desenvolver uma solução, você também evita cometer os mesmos erros novamente.

Outra estratégia essencial seria definir quanto a sua empresa consegue pagar de dívidas por mês.

Se as dívidas representam um dos desafios para o desenvolvimento do salão, é preciso ter calma e inteligência.

Não adianta investir 70% do faturamento em pagamento de dívidas, se você precisa de 35% para manter o seu salão de beleza funcionando porque a conta não fecha.

Em terceiro lugar, pense em formas de obter dinheiro extra, seja com a venda de novos produtos ou aplicar estratégias de descontos para vender mais serviços.

Enfim, negocie com os credores para obter bons acordos.

Resultado operacional muito baixo

15% dos salões têm por problema o resultado operacional baixo, mas o que é isso?

Resultado operacional representa o número que indica a lucratividade do seu salão.

Nesse sentido, também tem por nome lucro resultante antes da aplicação dos valores de juros e impostos (EBIT).

Mas, saiba que este resultado não pode ser confundido com o bruto, já que no bruto, são deduzidas as despesas variáveis, não os juros e impostos.

Nesse sentido, a fim de superar um dos desafios para o desenvolvimento do salão e calcular o resultado operacional, basta fazer a receita menos as despesas operacionais.

Assim, se o lucro do seu salão foi de R $10 mil e as despesas operacionais de R $2 mil, o resultado operacional da empresa é positivo: R$8 mil.

E para solucionar o problema de lucro operacional baixo, você deve trabalhar para alcançar novos públicos, aplicar estratégias de fidelização, tal como organizar as finanças do salão cortando os custos desnecessários.

Desafios para o desenvolvimento do salão – Aluguel

Em 13% dos salões pesquisados, o principal desafio para o desenvolvimento seria o custo do aluguel.

De fato, o valor cobrado pelos espaços mensalmente pode ser extremamente alto.

No entanto, você pode ter por base outros negócios do ramo da beleza para conseguir um espaço com valor acessível.

Ainda de acordo com a pesquisa sobre salões de beleza, pós restrições da pandemia, 35% dos donos de salão, têm um espaço com 230 metros quadrados.

  • Para 21% dos entrevistados, o tamanho do salão é de 10 a 60 metros quadrados;
  • 81 a 120 metros para 13%;
  • Entre 161 e 230 metros para 12%;
  • Para 9%, o espaço tem entre 121 e 160 metros.

Enfim, os 9% restantes possuem o salão em sua própria residência.

A partir daqui, você pode começar a ter uma base de como resolver um dos desafios para o desenvolvimento do salão: o valor do aluguel, com base no tamanho do espaço.

Mas, como saber quando o aluguel está barato ou caro?

A melhor forma de saber a resposta para esta questão seria com o auxílio de estudos.

A mesma pesquisa nos apresenta dados do custo de aluguel por metro quadrado a fim de ajudar você a ter um parâmetro.

Para isso, os entrevistados dividiram o total do boleto (aluguel + condomínio se tiver + o fundo de promoção se tiver) pela área (metros quadrados).

Por exemplo, caso o aluguel for R $15 mil, ao dividir por 120 metros quadrados, temos o total de R $125.

Este valor é comum entre 21% dos entrevistados, pois pagam de R $111 a R $160 por metro quadrado.

Mas, para 49%, o custo do aluguel por metro está entre R $30 e R $80, confira os demais valores:

  • 14% – de R $81 a R $110 por metro quadrado;
  • 7% R $161 a R $200;
  • 2% – entre R $201 a R $260.

Por fim, para os demais 7%, o valor pago está acima de R $261.

Certo, mas por que é importante que você saiba sobre o valor pago por metro quadrado por cada dono de salão?

Estamos apresentando os números acima com o mesmo objetivo da pesquisa citada: para que sirva de parâmetro a fim de superar o valor elevado dos aluguéis.

Por exemplo, quase 50% dos entrevistados pagam de R $30 a R $80 por metro quadrado, será que este não pode ser um bom começo para o seu negócio?

Desafios para o desenvolvimento do salão – Simples Nacional

O Simples Nacional é um regime tributário que aparenta ser complicado, mas como o próprio nome diz, é simples.

Basicamente, é o regime mais básico, ficando atrás somente do Lucro Presumido e o Lucro Real.

Assim, o regime tributário influencia diferentes questões como a forma de cálculo dos tributos, como os impostos devem ser pagos e até mesmo as regras gerais, incluindo porte da empresa e limite de faturamento.

Nesse sentido, o regime mais básico é voltado para pequenas empresas e microempreendedores individuais (MEIs).

Foi desenvolvido principalmente para reduzir a burocracia e os custos de pequenos empresários, por isso é importante para o seu salão de beleza.

Apesar disso, quando falamos sobre os desafios para o desenvolvimento do salão, cerca de 5% dos donos, lutam com o desenquadramento do Simples Nacional.

O enquadramento é feito facilmente pelo site, mas é importante que você esteja atento a algumas regras:

Por exemplo, é preciso verificar se de fato o seu salão se encaixa neste regime.

Faremos um conteúdo exclusivo para falar sobre o Simples Nacional e inclusive, informar como a sua empresa pode se enquadrar.

Concorrência desleal

A concorrência desleal é uma conduta imoral, tendo em vista que é a prática ilícita de mercado, em que técnicas abusivas são usadas para obter consumidores em prejuízo dos concorrentes.

Dentre os exemplos de “técnicas” usadas, podemos mencionar a concorrência parasitária que apesar de ser menos agressiva, é extremamente perigosa para o seu salão, tendo em vista que se instala de maneira despercebida.

Trata-se de esperar que um salão lance um produto para literalmente copiá-lo, sem a necessidade de gastar com testes, pesquisas ou publicidade, visto que todo o trabalho foi feito por quem está sendo parasitado.

Na pesquisa, este é um dos desafios para o desenvolvimento do salão, pois 5% dos donos de negócio sofrem com a concorrência desleal.

Dentre as formas de lidar com o problema, vale destacar o registro da sua marca, além de um monitoramento constante para fazer valer o seu direito de uso exclusivo.

Não se preocupe porque a lei garante a você o impedimento do uso ilegal da sua marca.

Impostos em atraso

3% dos entrevistados afirmam que não conseguiram pagar pelos impostos.

Imposto de Renda Pessoa Jurídica, Contribuição Social Sobre o Lucro Líquido, Contribuição para Financiamento da Seguridade Social, Programa de Integração Social, Contribuição Previdenciária Patronal, Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços e Imposto Sobre Serviços, são alguns dos impostos que podem ser cobrados da sua empresa.

Além do corte de gastos para o pagamento de tais dívidas, indicamos que você pesquise sobre a Lei do Salão Parceiro a fim de economizar com encargos de folha de pagamento.

Desafios para o desenvolvimento do salão – Inflação alta

Por fim, 2% dos salões de beleza precisam lidar com a inflação alta.

Basicamente, a inflação elevada desvaloriza a moeda do país e diminui o poder de compra.

Por isso, produtos que antes eram comprados por um bom valor, hoje podem custar o dobro, especialmente depois da pandemia.

Neste caso, você pode entrar em contato com fornecedores para tentar acordo.

Ao mesmo tempo, precisa monitorar as contas básicas da empresa.

Por exemplo, as faturas de água, telefonia e energia elétrica são reajustadas de acordo com a inflação.

Como resultado, é fundamental ter o controle dos gastos.

Nos acompanhe

Quer receber mais novidades ?

Preencha os campos abaixo e receba tudo em primeira mão.