Dicas para economizar na compra de produtos

Parte das medidas para manter um salão de beleza ativo também envolve economizar na compra de produtos para mantê-lo ativo. E por economia, isso não significa comprar produtos de valores baixos, e com uma qualidade tão ruim quanto. Para tornar o seu salão equilibrado com as finanças e acima da média com seus serviços, preparamos algumas dicas importantíssimas. Confira a seguir!

1 – Encontre os fornecedores ideais para o seu negócio

A dica essencial para economizar na compra de produtos para o salão é buscar os melhores fornecedores. Em salões pequenos, essa geralmente não costuma ser a opção principal de busca, optando por atacados e varejos, mas mesmo nesses lugares a busca ideal é por produtos que sejam de qualidade e que caibam no seu orçamento.

Se possível, faça uma tabela com os produtos que deseja para o salão, seguido dos fornecedores e lojas que o fornecem. Trace uma média de valores, e com isso em mente, opte pelas opções que te permitam a compra.

2 – Escolha linhas certeiras

Por “certeiras”, é basicamente não trabalhar com uma quantidade excessiva de marcas e linhas. Além de questões logísticas para o seu salão de beleza, trabalhar com muitas linhas pode acarretar em mais prejuízos do que lucros.

A razão para isso é simples: se não há demanda suficiente para o investimento, e se as técnicas empregadas não dependem de determinados produtos, não vale manter um investimento constante. Caso ainda não tenha montado o salão, considere esses detalhes nos momentos de construção.

3 – Faça um controle de estoque

Isso é comum em todo tipo de estabelecimento, mas deve ser sempre levado a sério nos salões de beleza. Pense que, sabendo o quanto tem de cada produto, mesmo para uso constante no salão, você consegue tornar os gastos equilibrados, bem como investir com segurança.

O segredo para economizar na compra de produtos para salão de beleza não está em muito ou pouco, mas sim no que é necessário.

4 – Invista em doses do produto

Uma alternativa muito eficiente para garantir economia e longevidade na compra de produtos é na educação dos profissionais. O desperdício e o exagero pode ser tão custoso quanto os preços, e uma dica ótima para trazer a consciência dos funcionários e gestores é trazer quantidades mais equilibradas de cada produto em uso.

Dessa maneira, todas as colaboradoras se policiam a trabalhar com o que há disponível, sem perder a qualidade dos resultados. Cabe ressaltar que essas doses dos produtos para o salão tem de ser acordo com o mínimo ideal. Também há uma diferença entre ser econômico e “mão de vaca”, ou qualquer coisa do tipo.

Gostou das nossas dicas? Deixe nos comentários e ajude a economizar na compra de produtos para salão de beleza você também.

Nos acompanhe

Quer receber mais novidades ?

Preencha os campos abaixo e receba tudo em primeira mão.