Aprenda a definir a comissão para profissionais de beleza

comissao

Estabelecer uma boa comissão para profissionais é muito importante, tendo em vista que tal estratégia proporciona o engajamento dos funcionários com a empresa.

Assim, a produtividade em seu salão de beleza aumenta e você consegue contar com melhores resultados.

Portanto, prossiga a leitura para entender todos os detalhes sobre o comissionamento para funcionários.

Entendendo a importância da comissão para profissionais

Como dono de salão, você sabe bem que contratar um bom profissional leva muito tempo, além de ser um processo complicado.

Nesse sentido, se você já tem uma equipe boa, é fundamental deixar claro que você valoriza este trabalho, usando métodos como comissão para profissionais.

Isto é, ao definir uma boa comissão, você reconhece o trabalho do funcionário e o motiva para seguir oferecendo serviços de qualidade.

Como resultado, além do desenvolvimento de um bom relacionamento com o profissional, o lucro também aumenta.

Tipos de comissão

Portanto, é ideal que você entenda de forma geral, os dois tipos de comissão:

Em primeiro lugar, podemos falar sobre a Margem de Lucro, em que o comissionamento é baseado no lucro do salão.

Este tipo de estratégia seria ideal para os novos negócios pois, caso não haja lucro em determinado mês a empresa não precisa ter uma despesa maior com a comissão para profissionais.

Em segundo lugar, cabe mencionar o comissionamento de Valor Fixo ou Percentual.

Neste tipo de método, a porcentagem da comissão não varia pois, é definida previamente para que o funcionário receba a cada vez que atender um cliente, por exemplo.

Assim, saiba que nenhum tipo de comissão é melhor ou pior, sendo essencial que você analise e realize vários testes, a fim de entender o ideal em seu caso.

Dicas para definir uma boa comissão

Com o intuito de definir a comissão para profissionais, inicialmente você precisa reunir todas as despesas do seu salão de beleza.

Por exemplo, coloque em uma planilha o valor médio das contas de luz, água, aluguel, manutenção, impostos, marketing, taxas de cartão, compra de produtos, dentre outros.

E com o uso desta planilha, será possível definir a porcentagem.

Dessa forma, uma dica interessante é que você não se baseie na concorrência para determinar a porcentagem de comissionamento. Isso porque os outros salões têm estruturas e despesas completamente diferentes.

Outro ponto fundamental seria deixar claro ao funcionário o valor das despesas do salão e esclarecer o motivo pelo qual você definiu tal porcentagem, mostrando os dados da planilha.

Desse modo, você consegue ter um relacionamento transparente com o profissional.

E além da comissão, saiba que você pode integrar outras estratégias como a definição de metas mensais para manter a equipe engajada.

Inclusive, você precisa pensar em metas que sejam de fato alcançáveis e possam auxiliar no desenvolvimento do seu funcionário.

Conclusão

Para encerrar o nosso conteúdo, tenha em mente que um bom comissionamento oferece resultado financeiro para a empresa e deixa o funcionário satisfeito.

Aliás, saiba que ao oferecer uma boa comissão para profissionais, será possível disponibilizar aos consumidores serviços de qualidade.

Como resultado, a sua empresa consegue receber uma excelente avaliação de serviços.

Nos acompanhe

Quer receber mais novidades ?

Preencha os campos abaixo e receba tudo em primeira mão.