Inovar pode ser lucrativo

inovação

Você está habituado a oferecer sempre o mesmo serviço da mesma forma e por anos o resultado tem sido bastante positivo? Mas e se a sua antiga receita de sucesso, de repente, não funcionar mais tão bem?

Você já parou para pensar em como reagir caso aquela fórmula tradicional de gestão simplesmente deixe de ser tão lucrativa quanto antes?

É comum ouvir o temor de empresários que preferem manter suas estratégias até mesmo nas situações mais adversas, e ao invés de investir em novidades que poderiam ser mais práticas e lucrativas, insistem em processos de gestão nos quais já se sentem habituados e confortáveis.

Mas os estudiosos do setor afirmam que essa postura é muito arriscada e pode significar não apenas uma crise séria para a empresa, demissões e prejuízos, como também o fechamento, nos casos mais extremos.

Portanto, para solucionar crises e melhorar os gráficos de resultado, o procedimento mais indicado é a inovação do serviço ou produto. Mas é nessa hora que o empresário se depara com a difícil decisão de inovar de verdade ou persistir em seus métodos. E o medo de tomar a decisão errada pode ser paralisante.

Isso acontece porque inovar também significa começar do zero, e a possibilidade de abandonar um método para reaprender novos processos parece de fato assustadora.

Mas quem acredita que isso pode custar muito caro, ou não causar retorno financeiro, deve saber que, a insegurança nesses casos é natural, e que inovar pode, não apenas significar a sobrevivência da empresa, como também o crescimento.

O que é a inovação de verdade?

Entenda inovação como a criação de um produto ou processo novo, ou mesmo uma grande adaptação que seja capaz de significar um diferencial real na forma de executar determinado serviço, como por exemplo, um método de beleza que só é encontrado no seu estabelecimento.

Por isso é importante conhecer tanto o seu público, quanto a sua concorrência, afinal a inovação não se trata de se equiparar ao contexto social da sua empresa, e sim trazer para esse contexto um paradigma diferente, único, e que associe o seu nome ao produto ou serviço de forma indiscutível.

Empresas que se alinham mais rapidamente às novas tendências de mercado conseguem criar essas inovações com mais facilidade, e com isso não apenas ampliar sua carteira de clientes, como também agregar valor a própria marca, figurando como referência no segmento.

Portanto:

  • Não se desespere caso o resultado não seja imediato. O sucesso das inovações exige tempo.
  • Junte suas ideias e as estude cuidadosamente para saber quais apresentam um formato mais aplicável ao perfil da sua empresa.
  • Para economizar tempo e capital, estude ideias que não funcionaram dentro do segmento de beleza e as evite.
  • Crie um projeto base e faça testes sobre a aceitação do seu novo modelo de negócio.
  • Engaje os seus colaboradores para que todos se debrucem sobre o projeto com a mesma dedicação que você.
  • Tenha paciência.

Para receber mais dicas como essas, cadastre o seu e-mail na nossa plataforma e inove a sua forma de lidar com o mercado.

Nos acompanhe

Quer receber mais novidades ?

Preencha os campos abaixo e receba tudo em primeira mão.