Como motivar os funcionários

Manter uma empresa em harmonia não é tarefa fácil, ainda mais quando o elemento humano é tão presente como em um salão de beleza. As diversas atribuições dos funcionários e contratempos do dia a dia podem dificultar o monitoramento de tarefas e reconhecimento das competências de cada um.

Porém, é esse reconhecimento que muitas vezes faz total diferença para a satisfação do seu colaborador, podendo impactar negativa ou positivamente. Para seguir motivando seus funcionários, algumas dicas podem ajudar, e segui-las corretamente, pode inclusive aumentar ou melhorar a produtividade do seu negócio.

1- Todos são iguais

Para construir um ambiente ideal de trabalho, é importante que todos se considerem importantes e valorizados de forma igual, sem distinção em detrimento de cargos ou hierarquia.

Um colaborador não deve se sentir inferior em comparação a outros de forma alguma, pois cada um tem a sua devida importância para o bom funcionamento de uma organização.

Respeito deve ser a base de qualquer convívio, seja ele em um ambiente corporativo ou não. É importante cumprimentar e ter uma relação amistosa e igual com cada uma das pessoas que integram sua equipe.

2- Reconheça habilidades e virtudes

Pode parecer simples, mas elogiar o bom trabalho de alguém tem um grande poder motivacional. Sempre que um colaborador recebe um elogio ou um comentário positivo, sente que tem sido observado e reconhecido, e isso com certeza vai gerar resultados ainda mais positivos. A rotina de trabalho naturalmente cansa e pode ser estressante, e esse tipo de atitude positiva muda inclusive a perspectiva de cada um sobre o trabalho.

Um bom líder sabe identificar os pontos positivos e potenciais de cada um, e usa isso para manter uma boa relação com seus colaboradores.

3- Objetivos

Um erro comum é traçar metas muito altas e quase intransponíveis, pois assim a equipe vai sempre tentar obter resultados altos, mesmo que não alcancem o objetivo inicial. Na verdade, por mais que funcione a curto prazo, essa estratégia pode destruir a equipe com o tempo, isso porque o cansaço mental será gigantesco nos colaboradores que não chegam nunca à meta. E se esses objetivos prevêem uma recompensa financeira, isso pode ser ainda pior, já que muitas pessoas vão acabar frustradas por essa meta alta.

4- Dê feedbacks

O desempenho dos funcionários deve ser avaliado e, acima de tudo, deve ser reportado ao funcionário, de forma clara e objetiva, sem qualquer tipo de tratamento hostil ou ríspido.

Apontando os erros e acertos de cada um, é possível colher os frutos de uma mudança de postura e de ações, criando uma relação de confiança entre líder e colaborador.

5 – Crie um laço humano

Uma das coisas mais importantes na relação de trabalho é a empatia mútua, onde patrão e funcionário se respeitam e entendem suas limitações e objetivos. Para isso, é importante entender o universo de cada um e a forma que pensam, e isso não significa necessariamente criar um laço de amizade. Um bate papo informal na hora do almoço, por exemplo, pode revelar como é a vida pessoal de cada funcionário, necessidades financeiras ou problemas familiares. Uma vez que se conhece o ser humano por trás do profissional, fica muito mais fácil oferecer soluções e formas de trabalhar que deixem o funcionário mais confortável e satisfeito com a sua liderança.

Essas são algumas dicas simples, mas que têm poder alto de esclarecimento na relação com seus colaboradores. Um colaborador motivado pode atender melhor os clientes, e então, a satisfação terá concluído seu ciclo perfeito: empreendedor, colaborador e cliente.

Nos acompanhe

Quer receber mais novidades ?

Preencha os campos abaixo e receba tudo em primeira mão.