Salão Parceiro

Divisão de vendas para os profissionais do seu salão

Como você já deve saber entrou em vigor em janeiro de 2017 a Lei que regulariza a parceria entre profissionais e negócios de beleza. Na verdade, em muitos dos casos a lei veio apenas para formalizar o processo “informal”, ou o contrato verbal, já existente nos salões, profissionais 100% comissionados e  sem vínculos trabalhistas.

A nova lei nº 13.352/2016 Salão Parceiro, em si é bastante simples e clara.  Nela a forma de pagamento ao funcionário, agora profissional-parceiro,  é feita com base em uma porcentagem de cada serviço prestado por ele (profissional), o valor é dividido entre o salão e profissional.  Esse pagamento deve ser realizado periodicamente para o profissional, de acordo com o combinado entre salão e parceiro. Para este mesmo pagamento, o profissional deve constituir sua empresa, podendo ser um pequeno empresário, microempresa (ME) ou MEI (microempreendedor individual).

Lembrando que para essa forma de divisão de vendas deve contar um contrato escrito  e homologado pelo sindicato competente (patronal e profissional) ou pelo Ministério do Trabalho (ponto importantíssimo, pois na ausência deste a contratação poderá ser caracterizada como vínculo empregatício) e nele devem conter cláusulas específicas como funções exercidas pelo profissional-parceiro, direitos e deveres das partes, percentuais de comissão por serviço.

Pensando em te ajudar nessa nova divisão de vendas, o software GRACES conta com uma ferramenta para divisão de vendas que é totalmente integrado ao módulo de caixa do Graces. O software funciona da seguinte maneira: ao passar o cartão do cliente ele automaticamente faz essa divisão da venda / transação para os funcionários de acordo com a divisão estabelecida em seu salão e de acordo com a nova Lei Salão Parceiro.

Neste processo de divisão também é possível emitir as notas fiscais automaticamente, tanto da parte do profissional parceiro, quanto da cota parte do salão parceiro, podendo assim trazer uma grande vantagem ao salão (ausência de bitributação e divisão da carga tributária)

Vantagens:

  • Os valores são creditados diretamente na conta bancária do salão e do parceiro a cada comanda recebida!
  • O profissional pode acompanhar suas vendas através do seu comprovante de cartão.
  • O profissional também pode definir a data que quer receber.
  • O salão e o profissional pode acompanhar suas transações via aplicativo e até receber gorjetas no cartão.

Benefícios para o salão:

  • Divisão de impostos e custos com o profissional parceiro.
  • Melhoria do fluxo de caixa sem preocupação com antecipações para parceiros.
  • Maior agilidade na recepção e no ajuste de fechamento.

Conheça o sistema exclusivo do software GRACES de divisão de vendas, Ideal para Salões de Beleza com grande número de transações ou que buscam uma maior agilidade e confiabilidade no caixa.

Quer receber mais dicas de como melhorar a gestão do seu salão? Inscreva-se em nossa Newsletter e fique sempre bem informado.

TAGS: administração | barbearia | barbeiro | cabeleireiro | clínica estética | controle de caixa | dicas para salão | empreendedorismo | finanças | fluxo de caixa | gerenciamento | gestão compartilhada | Gestores | gestores salão de beleza | manicure | parceiros | salão de beleza | salão-parceiro | sistema para salão | software para salão | tecnologia |

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *